‹ voltar



Graviola, um milagre natural para a cura do câncer

Pesquisadores dos Estados Unidos e de outros países descobriram que a graviola destrói vários tipos de câncer. A graviola mata as células do câncer 10.000 vezes mais rápido do que o melhor remédio usado nos hospitais. Mas até hoje, os laboratórios farmacêuticos não conseguiram sintetizar a graviola para patentear um remédio, por isso ela só é usada na forma natural.

Nos Estados Unidos mais de 400 médicos se utilizam de uma formula produzida por uma naturopata, cuja fórmula se utiliza da graviola, mas nenhum deles pode falar porque a lei só permite que o câncer seja tratado com remédios dos grandes laboratórios. Se o médico disser que trata câncer com ervas pode perder a licença.

No Instituto Nacional do Câncer, nos Estados Unidos, em 1976 foi comprovado que o poder ‘quimioterápico’ da graviola sobre as células cancerígenas é 10.000 vezes superior ao do composto chamado Adriamicina, um dos citotóxicos mais agressivos empregados atualmente na quimioterapia.

Mas, além disso, a fruta apresenta uma propriedade extraordinária que a diferencia radicalmente dos quimioterápicos tradicionais. Enquanto esses atacam simultaneamente tanto as células cancerígenas quanto as saudáveis, pois não podem diferenciar as populações celulares saudáveis das doentes, a graviola deixa as saudáveis ilesas, enquanto ataca as células cancerígenas, detendo seu crescimento num prazo de 48 horas.

Muitos outros estudos têm sido realizados desde então. Sobretudo a partir de 1997, na Universidade de Purdue, em Indiana, Estados Unidos, onde foi constatado seu poder anticancerígeno em cânceres pulmonares, prostáticos, de mama, de bexiga, de reto, esófago, cólon e ainda, eficaz contra o tratamento da leucemia.

 

Propriedades que evitam o câncer

Tal propriedade existe devido à presença, em suas folhas, de um conjunto de ativos fitoquímicos chamado Acetogenina, cuja potencia é da ordem de 10.000 vezes superior à Adriamicina (substância tóxica de elaboração artificial).

A quimiotaxia natural é um processo de locomoção de células em direção a um gradiente químico, ou seja, quando o composto é direcionado a atacar células, ele é direcionado às células que contenham substâncias químicas específicas, concretas (portanto, atacam unicamente as células doentes ou malignas), deixando as saudáveis intactas, enquanto que, poderíamos dizer, o produto não natural trabalha em lógica de ‘fogo aberto’, danificando células que não estão doentes e debilitando o organismo como um todo.

 

Veja o vídeo:

 

 

 

Fonte: https://melhorcomsaude.com/graviola-milagre-natural-cura-cancer/#!kalooga-25106/mas  


Busca


Sexta-feira, 21 de Julho de 2017



Acessos

Curta nossa página no facebook



Rainha Maria

Glória de Deus

Mulher Vestida de Sol