‹ voltar

Iniciou-se a estratégica introdução da proposta de uma única religião mundial. A quem interessa esta unificação? Certamente àquele que vai governar e dominar a humanidade, por um pouco de tempo – anticristo -, como está predito no Apocalipse.


A unificação das religiões

Tudo está convergindo para que seja instalada no mundo uma única religião mundial.

Como está se delineando no mundo esta unificação das religiões?

Em 04-09-2014, o aposentado presidente de Israel, Shimon Peres propôs uma nova iniciativa global de paz ao Papa Francisco: A “ONU das Religiões“, dado que a maioria das guerras atuais têm correntes religiosas, não nacionalistas.

"O Santo Padre é um líder respeitado por tantas pessoas de várias religiões e por seus expoentes. Bom, acho que é o único líder verdadeiramente respeitado. Por isso me veio esta ideia de propor isso a Francisco", explicou Peres.

Lançada a ideia, vemos que já está sendo colocada em prática pela Igreja católica, por meio de seu representante papa Francisco, a persuasão

em massa para aceitarem essa proposta como algo bom e benéfico a todos. 

Os comparsas do Anticristo teriam a obrigação satânica de colocar o "homem maligno" certo no Vaticano, o "falso profeta", anunciado no Apocalipse para o cumprimento do Fim dos Tempos. O falso profeta tem a missão de convencer e unir a todos numa única religião universal, somente assim o poder mundano do Anticristo terá grande influência nos que não deram crédito à verdade, mas consentiram no mal. (II Tessalonicenses, 2, 9)

E, mesmo diante de inúmeros fatos e declarações, provando que Francisco é infelizmente um "antipapa", a serviço da Nova Ordem Mundial e de seu "anticristo", a maioria dos católicos acha uma maravilha, que Francisco esteja unindo todas as "religiões", em prol da paz e do amor.

Mas, cultivam a paz e o amor do "mundo", esquecendo-se do Amor à Verdade de Cristo, então...

"Ele usará de todas as seduções do mal com aqueles que se perdem, por não terem cultivado o amor à verdade que os teria podido salvar". (II Tessalonicenses, 2, 10)

"Desse modo, serão julgados e condenados todos os que não deram crédito à verdade, mas consentiram no mal". (II Tessalonicenses, 2, 12)

O "preço" de cultivar essa paz e amor mundano, que agrada aos homens e não a DEUS, será cair na "armadilha" que Satanás preparou para o Fim dos Tempos, fazendo que a maioria dos católicos, caia na apostasia e no erro, de aceitar que "todos" os caminhos levam à "salvação" e a Deus.

Mas, o Rei Jesus responde a Francisco, seus eclesiásticos, 'lobos em pele de cordeiro", e aos "católicos" que proclamam seguir a Cristo, o seguinte...

"Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim. Se me conhecêsseis, também certamente conheceríeis meu Pai; desde agora já o conheceis, pois o tendes visto". (São João, 14, 5-7)

Porque...

"Todo aquele que caminha sem rumo e não permanece na doutrina de Cristo, não tem Deus. Quem permanece na doutrina, este possui o Pai e o Filho. Se alguém vier a vós sem trazer esta doutrina, não o recebais em vossa casa, nem o saudeis. Porque quem o saúda toma parte em suas obras más." (2 João 9-11)

Os comparsas do "anticristo" há muito prepararam o terreno, para a "nova religião mundial ecumênica", a religião da Nova Ordem Mundial, que o "anticristo" vai comandar, através da popularidade de seu "falso profeta".

Esta unificação religiosa global é a etapa precedente ao aparecimento do anticristo.

 

Fontes: Notícias Gospel Mais, Rainha Maria, Revista Exame, Fox News, Caminho Alternativo 

 

 

 

 

 



Autor: Miriam Nunes


Busca


Quinta-feira, 19 de Setembro de 2019







Acessos

Curta nossa página no facebook



Rainha Maria

Glória de Deus

Mulher Vestida de Sol