‹ voltar



Teerã será engolida por rachaduras e buracos gigantes? O terreno está afundando sob a capital do Irã e pode ser tarde demais para se recuperar

 

'Minha Criação se agita em alguns lugares, como um chamado à humanidade para que se prepare, mas não, esta humanidade não presta atenção aos sinais que diariamente acontecem. Minha Criação se estremece, Minha Terra se racha e se abre em muitos lugares, e do céu grandes sinais se manifestam, mas para esta humanidade tudo parece normal. Muito em breve, tudo se desencadeará e, aí sim, vão entrar em pânico e bater no peito, e vai ser muito tarde para muitos.'

(Deus Pai a Enoch, em 24-09-2018 - http://www.mensajesdelbuenpastorenoc.org)

 

 

Artigo:

O terreno está mudando sob a capital do Irã, Teerã, lar de aproximadamente 15 milhões de pessoas e a maior cidade por população na Ásia ocidental. Imagens de satélite de alta resolução revelaram recentemente que, em alguns lugares, a metrópole do Oriente Médio está afundando cerca de 10 polegadas (25 centímetros) por ano. Um efeito colateral de tal afundamento impressionante é o súbito aparecimento de rachaduras gigantescas e buracos em algumas áreas que podem acabar engolindo Teerã no subsolo nas próximas décadas.

O crescimento de rachaduras subterrâneas às vezes produz buracos repentinos no solo. Crédito: Centro de pesquisa de construção e habitação em Teerã.O crescimento de rachaduras subterrâneas às vezes produz buracos repentinos no solo. Crédito: Centro de pesquisa de construção e habitação em Teerã. Cientistas investigaram dados de satélite da capital reunidos de 2003 a 2017 e descobriram um afundamento significativo - também conhecido como subsidência - em cerca de 10% do centro da cidade e em muitas aldeias na região noroeste de Teerã.

Um efeito colateral da subsidência é o súbito aparecimento de rachaduras e buracos gigantes em algumas áreas. Em um caso, um fazendeiro ficou preso por horas em um buraco de 6 metros de profundidade depois que uma rachadura se abriu, onde ele estava de pé. Fissuras que se formaram perto de campos também estão afetando as culturas, pois drenam a água destinada a irrigar a terra sedenta.

Neste novo estudo de dados de satélite, os pesquisadores descobriram que a atual taxa de subsidência de Teerã está entre as mais altas do mundo, com a perda de água subterrânea causada pela seca, a construção de barragens e uma população em expansão. Outra descoberta preocupante foi que as chuvas não estavam repondo as reservas esgotadas de água subterrânea, sugerindo que pode já ser tarde demais para a recuperação da terra.

Teerã não é a única cidade que está afundando. Observações de satélite também mostraram que Veneza, Itália, partes do oeste do Texas e litoral da Louisiana, o Vale San Joaquin da Califórnia e o Aeroporto Internacional de São Francisco são vítimas de subsidência.

Pesquisas anteriores apontavam para a drenagem de águas subterrâneas como a causa do naufrágio de Teerã, que já estava em andamento no início dos anos 2000. Os primeiros sinais de afundamento surgiram em áreas agrícolas; desde 2003, o problema se expandiu para as zonas urbanas no leste, onde os efeitos do solo afundado de Teerã são visíveis em edifícios e estradas enviesados.

A perfuração de poços ilegais está aumentando ainda mais a pressão sobre a diminuição das águas subterrâneas, aumentando o risco de acelerar o afundamento, descobriram os cientistas. Oficiais do governo estão tentando reprimir os poços ilegais, mas enquanto 100.000 foram fechados, estima-se que 30.000 permanecem.

Caso o naufrágio continue, as ferrovias, pontes, gasodutos e oleodutos de Teerã e a infraestrutura elétrica podem estar em risco.

 

 

Fontes primárias:  Nature , Live Science     via     http://strangesounds.org/2018/12/tehran-is-sinking-giant-cracks-sinkholes-iran-geology.html

 


 

‘Rezai, a natureza reage da maneira mais incomum surpreendendo o homem.’ (Virgem Maria à Luz de Maria, em 18-01-2016)

‘Minha Criação se estremece, Minha Terra se racha e se abre em muitos lugares, e do céu grandes sinais se manifestam, mas para esta humanidade tudo parece normal.' (Deus Pai a Enoch, em 24-09-2018)

‘A humanidade tem entrado na etapa das mudanças causadas pelo mal atuar do homem. A Criação é produto do Amor de Meu Pai e mantém o bem dentro de si. A Criação atrai o bem e o busca incessantemente. Mas neste instante a natureza padece de solidão, essa solidão que a humanidade lhe transmite ao afastar-se de Nossa Trindade, e a natureza busca aceleradamente essa afinidade com o homem e não a encontra, ao contrário, teme o homem e reage manifestando sua força, elevando sua ação na Terra com fenômenos consecutivos.’ (Jesus Cristo à Luz de Maria, em 26-07-2018)

'A Terra que vos embalou fende-se com maior frequência e essas fendas farão desaparecer territórios.' (Jesus Cristo a Luz de Maria, em 22-05-2016)

 


Busca


Sábado, 19 de Janeiro de 2019





Acessos

Curta nossa página no facebook



Rainha Maria

Glória de Deus

Mulher Vestida de Sol