‹ voltar



Satanista encontra Jesus depois que sua mãe orou por ele por 33 anos

 

“Rezai, rezai muito e fazei sacrifícios pelos pecadores, que vão muitas almas para o inferno por não haver quem se sacrifique e peça por elas.”

(Nossa Senhora de Fátima em 19 de Agosto de 1917.)

 

n/d

Antes de Brian se tornar um pastor, um bom pai e um bom marido, ele era um satanista. Por 33 anos, a dor que ele experimentou antes de conhecer Jesus não foi nada fácil. Brian foi vítima de abuso físico e emocional. A parte mais triste foi que seu pai foi quem o abusou. Como resultado, ele cresceu com ódio profundo em seu coração. Esse ódio transformou Brian na pessoa que ele mais odiava. Quando jovem, ele foi rotulado de causador de problemas. Finalmente, isso levou-o a se tornar um viciado em drogas.

Enquanto as coisas estavam em espiral na vida de Brian, sua mãe, Dorothy, nunca desistia.

“Eu tentei o meu melhor. Era apenas uma coisa após a outra. Foi difícil" - ela disse.

No entanto, Brian não parou. Ele estava contente com seu estilo de vida e continuava usando drogas. Logo depois que seus pais se divorciaram, aos 18 anos, ele chegou à prisão. Ele foi condenado a 10 anos de prisão por assaltar mais de 200 casas. Durante seu tempo na prisão foi quando ele foi introduzido no satanismo e se tornou um satanista.

 

O envolvimento de Brian com o satanismo

“Invocando todos os poderes do reino demoníaco. Até então eu já estava pesado nos aceleradores, pesado no LSD. Vendo o medo nos olhos das pessoas, sabendo com o que eu estava envolvido, até os rapazes da guarda, que realmente alimentava esse ego ”, ele lembrou.

Além disso, Brian atirou à queima-roupa e quase matou o ex-marido de sua namorada depois que ele os pegou trapaceando. Surpreendentemente, foi sua mãe quem denunciou o crime que o levou à prisão.

“Nesse ponto, decidi que não havia mais nada que pudesse fazer por ele. Eu tive que rezar por ele. Essa era a única coisa que me traria ele de volta" - disse Dorothy chorando.

 

A oração implacável de uma mãe

Por vários anos, Brian esteve dentro e fora da cela de segurança máxima da prisão. Mas sua mãe nunca parou de orar por ele. Quando Brian chegou aos 40 anos, perdeu a esperança e não queria mais viver, então entrou para um programa de drogas e álcool baseado na fé. Naquele exato momento, através da lição de casa das leituras das Escrituras, ele conseguiu ler um versículo que mudou sua vida.

“E porque eu estava lendo a verdade, Ele já estava começando a me mudar. Em vez de eu preencher os espaços em branco agora, o Evangelho estava preenchendo o meu ”, ele lembrou emocionado.

Logo depois ele renunciou ao satanismo. Jesus conheceu Brian onde ele estava, em uma cela de segurança máxima. Ele o conheceu no seu pior momento e o amou. Foi um belo encontro com Jesus.

De fato, Deus é fiel à Sua palavra que nada pode nos separar do Seu amor. O amor de Deus nunca falha. Não importa para o quão longe tenhamos corrido, Ele está sempre nos perseguindo. Ele está simplesmente esperando que voltemos a Ele novamente.

Assista a este vídeo para ouvir todo o testemunho emocionante da vida de Brian.

 
Fonte: https://godtv.com/satanist-meets-jesus/

Busca


Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020







Acessos

Curta nossa página no facebook



Rainha Maria

Glória de Deus

Mulher Vestida de Sol