‹ voltar



Canela-de-velho, uma planta milagrosa contra artrose, artrite e dores em geral

 

A farmácia da Natureza é um tesouro criado por Deus para prevenir doenças e também promover a cura do corpo humano. Cada planta foi criada com suas específicas propriedades medicinais, muitas vezes servindo para ser usada em mais de um tipo de patologia. Entretanto, poucos procuram descobrir o potencial curativo que existe em cada planta, procurando conhecê-la, estudá-la e se servir de seus benefícios fitoterápicos.

Em tempos em que, pela contingência dos acontecimentos vindouros, pouco ou nenhum acesso se terá à medicina convencional e aos medicamentos produzidos em laboratórios, é vital conhecermos o que a natureza nos oferece, e de graça, para restabelecimento e manutenção da perfeita saúde.

 

n/d  

A canela-de-velho, Miconia albicans, é uma planta muito comum no Nordeste brasileiro. Pertence ao gênero botânico Miconia, da família Melastomataceae, que tem diversas contribuições na medicina popular. Vale a pena você conhecer e, se tiver alguma inflamação dolorosa, experimentar.

De que planta estamos falando?

Miconia albicans é uma planta arbustiva (de 0,7 a 3 m de altura) também conhecida como quaresmeira-de-flor-branca, prima das outras quaresmeiras - de flor roxa e rosa - que já conhecemos. Mas, há outras plantas que são conhecidas como canela-de-velho portanto, é importante o nome científico para você saber o que está tomando. Para te ajudar na identificação correta, dê uma lida aqui.

A canela-de-velho (Miconia albicans) já é bastante estudada por suas propriedades medicinais e curativas assim como outras plantas do mesmo gênero. Seu uso para tratar doenças dolorosas como artrites, artroses e reumatismo tem ampla comprovação nas comunidades tradicionais da região nordeste. Alguns estudos apontam também as suas propriedades terapêuticas no tratamento do Mal de Chagas pois afeta o Tripanossoma cruzis, causador desta doença.

Descrição da planta

Nome científico: Miconia albicans

Família: Melastomataceae

Nome popular: Canela-de-Velho

Partes usadas: Parte aérea da planta (folhas)

Princípio ativo: Flavonóides e compostos triterpênicos (ácido oleanólico e ácido ursólico)

Propriedades medicinais: Anti-inflamatória, analgésica (anti-nociceptivo), antioxidante, antimutagênica, antimicrobiana, antitumoral, hepatoprotetora, tônica digestiva

Tratamento terapêutico: Artrose, artrite reumatóide, fibromialgia, dores e inflamação das articulações, dores na coluna, bursite, redução de radicais livres, purificação do sangue, reumatismo, tendinite e muito mais.

Fonte: https://www.greenme.com.br/remedios-caseiros/4835-canela-de-velho

 

Assista o vídeo abaixo, do Dr. Marco Menelau, sobre a canela-de-velho:

 


Busca


Sexta-feira, 23 de Agosto de 2019







Acessos

Curta nossa página no facebook



Rainha Maria

Glória de Deus

Mulher Vestida de Sol