‹ voltar



“...MATAR-VOS-ÃO E SEREIS ODIADOS DE TODAS AS NAÇÕES POR CAUSA DO MEU NOME” (Mt 24, 9) A CRISTIANOFOBIA SE ESPALHA PELO MUNDO: Extremistas hindus assassinam menino cristão, borrifando-o com ácido

 
01 Outubro 2021

O Padre Devasagayaraj M. Zackarias, ex-secretário nacional da Comissão para as Castas Desfavorecidas da Conferência de Bispos Católicos da Índia, exigiu proteção para a família de um menino falecido devido a queimaduras provocadas ao ser borrifado com ácido por radicais hindus. Extremistas hindus.Extremistas hindus.

O garoto de 14 anos, chamado Nitish Kumar, morreu em 26 de setembro após um mês de hospitalização, no qual os médicos tentaram salvar sua vida depois de ter sido encharcado com ácido. Devido ao ataque que sofreu, 70% de seu corpo foi gravemente queimado.

De acordo com a explicação dada pelo irmão mais velho do menino assassinado, o ataque ocorreu em 11 de agosto passado, quando indivíduos jogaram ácido de uma motocicleta contra ele. Ele também declarou que sua família havia sofrido sérias ameaças por parte de extremistas hindus.

O relato do jovem sobre as ameaças é apoiado pelos vizinhos da família, que afirmam ter visto grupos de pessoas usando "lenços cor de açafrão", um traje comum entre os extremistas hindus, ameaçando os membros da família. No entanto, eles disseram: "Temos medo de denunciá-los à polícia, porque nossas casas, terras e negócios estão aqui".

Enquanto isso, apesar do pedido do proprietário do hospital após o exame post-mortem, a polícia indiana recusou-se a abrir uma investigação, alegando que o jovem cometeu suicídio ao incendiar a si próprio. Eles autorizaram a liberação do corpo de Nitish para que ele possa ser enterrado pela família.

A perseguição aos cristãos na Índia e no mundo

No noroeste da Índia, quase todos os cristãos são considerados "Dalit", um status estabelecido pelo hinduísmo que é marginalizado pela sociedade e relegado para os piores trabalhos. Os membros desta classe social sofrem grave discriminação, apesar de sua discriminação ser proibida pela constituição do país asiático.

A Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre tem denunciado repetidamente os ataques aos cristãos em todo o mundo. Em 20 de abril, apresentou seu Relatório Anual de Liberdade Religiosa, no qual afirmou que um terço dos países do mundo mostra sinais de perseguição por causa de sua fé, incluindo Estados como a Índia por causa do sistema imposto pela cultura hindu, que estabelece castas que marginalizam vários setores da sociedade.

Este é o único estudo realizado por uma instituição católica que analisa o cumprimento ou o respeito deste direito humano em todos os países do mundo (196) e abrange todas as religiões. Com mais de dois anos de trabalho e um total de trinta autores de diferentes áreas, é também o único disponível em seis idiomas. O Relatório sobre a Liberdade Religiosa Mundial é publicado desde 1999 e é apresentado a nível internacional a cada dois anos nos 23 escritórios da Fundação ACN em todo o mundo.

Fonte: https://www.alertadigital.com/2021/10/01/la-cristianofobia-se-extiende-por-todo-el-mundo-extremistas-hindues-asesinan-a-un-nino-cristiano-tras-rociarle-con-acido/

 

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” (Mateus 24:9)


Busca


Terça-feira, 26 de Outubro de 2021




Acessos








Mulher Vestida de Sol