‹ voltar



“...HOMENS DA CIÊNCIA, PARAI DE BRINCAR DE SER DEUSES...” (Jesus em 18-12-2018) - Grande Colisor de Hádrons - sistema para desenvolver e testar aceleradores de partículas chegou à Universidade de Melbourne

 

Apesar dos riscos que o Grande Colisor de Hádrons apresenta para a humanidade, tendo inclusive sido desligado em 2016 com alegações de que teria sido o responsável por causar um terremoto de magnitude 7 (veja aqui: https://www.express.co.uk/news/weird/693434/SHOCK-CLAIM-Large-Hadron-Collider-shut-down-after-causing-massive-earthquake ) outros aceleradores de partículas, de tamanho menor, serão produzidos, conforme vemos no artigo abaixo.

O equipamento do acelerador de partículas CERN chega a Melbourne

Um sistema para desenvolver e testar aceleradores de partículas chegou à Universidade a partir do CERN na Suíça. A MelBOX está se instalando agora. O sistema de teste do acelerador de partículas foi enviado da Organização Européia de Pesquisa Nuclear (CERN), na Suíça. Chamado de "MelBOX", o novo sistema é um dos dois sistemas de teste X-BOX3 no CERN. O X-BOX3 é a terceira versão do sistema de teste de alta frequência (banda X) do CERN. Ele foi desenvolvido como parte do programa CLIC para construir um colisor linear compacto. n/d

Uma equipe de pesquisa liderada pela Dra. Suzie Sheehy investigará como usar o MelBOX para tornar os aceleradores de partículas menores, mais baratos e mais confiáveis.

Os aceleradores de partículas são usados em colididores de partículas de alta energia para descobrir o que acontece quando partículas subatômicas batem umas nas outras. A mesma tecnologia pode ser usada para fazer aceleradores de partículas em miniatura com aplicações industriais e médicas. Por exemplo, eles são usados em dispositivos de varredura de raios X em portos e aeroportos. E fazem parte dos equipamentos utilizados em todos os tratamentos de radioterapia.

O CERN enviou o equipamento como parte de um acordo coordenado pelo Professor Geoffrey Taylor em 2019. Isto continua o relacionamento de longa data da Universidade com o CERN. Em 2010, a Universidade celebrou um acordo para participar do programa CLIC. O professor associado Roger Rassool assinou o acordo com o CERN em nome da Colaboração Australiana para a Ciência de Aceleradores. Esta colaboração envolve a Universidade de Melbourne, a Universidade Nacional Australiana, a Organização Australiana de Ciência e Tecnologia Nuclear e o Synchrotron Australiano.

O pesquisador sênior Dr Matteo Volpi usou o X-BOX3 em sua pesquisa no CERN, onde ele esteve baseado por vários anos. Com a ajuda de seus colegas do CERN, ele embalou o sistema - incluindo os componentes, cerca de 1 quilômetro de cabos, e o computador que controla o equipamento. Ele até trouxe o teclado e o mouse, para que pudesse replicar a configuração original o mais próximo possível.

O equipamento deixou o CERN em setembro de 2020 e chegou à Universidade em janeiro de 2021. Foi entregue a um laboratório no porão do Edifício David Caro, que abriga a Escola de Física. Esta área do edifício é protegida contra radiações por paredes feitas de concreto de um metro de espessura.

O espaço do laboratório será renovado para caber na MelBOX. Isto requer que a equipe de pesquisa faça simulações detalhadas para mostrar que as paredes de concreto atendem aos padrões das autoridades australianas de proteção contra a radiação.

Em seguida, a equipe testará o hardware e o software para garantir que nada foi danificado em trânsito.

Eles podem então começar a condicionar a cavidade de radiofrequência. A cavidade é onde as ondas de radiofrequência de alta potência geram campos eletromagnéticos extremamente altos. As partículas subatômicas são transportadas por estas ondas, ganhando velocidade e energia. Para preparar a cavidade para este ambiente extremo, ela deve ser condicionada. Isto é feito aumentando gradualmente o campo de energia aplicado à superfície, monitorando seu desempenho e fazendo ajustes conforme necessário. Este processo, que leva vários meses, garante que o dispositivo possa suportar os campos de alta energia utilizados em operação normal. Espera-se que o MelBOX esteja operacional até o final de 2021. ( Fonte: https://research.unimelb.edu.au/research-updates/cern-particle-accelerator-equipment-arrives-in-melbourne ) Estátua de Shiva, o deus hindu da destruição, colocada na entrada do CERN.Estátua de Shiva, o deus hindu da destruição, colocada na entrada do CERN.

 

Qual a influência desta máquina para a vida humana e para o planeta?

Bem, o Céu nos diz, em mensagem de 18-12-2018, que ela está sendo usada para perfurar o interior da Terra. Sim, isto mesmo!!!

E que esta máquina é a responsável por:

  • Debilitação do núcleo da Terra e de sua crosta
  • aparecimento de rachaduras na Terra
  • aparecimento de buracos circulares
  • cidades inteiras serão engolidas pela terra e desaparecerão

Não é a toa que a estátua de Shiva, o deus hindu da destruição, foi colocada na entrada do CERN, porque, como diz Jesus na mensagem abaixo, só desgraça e destruição é o que os experimentos com esta máquina trarão à humanidade.

 

“Homens da Ciência que vos julgais deuses, se continuardes com vossos experimentos no interior do núcleo da Terra ireis lamentar. Parai a máquina infernal que vós chamais acelerador de partículas, porque os experimentos que estais realizando no interior da Terra com dita máquina estão debilitando o núcleo e sua crosta. Digo-vos: vossa soberba e prepotência estão vos endeusando, fazendo-vos acreditar que sois deuses e que podeis manipular o código da vida. Vossa ciência é uma torre de Babel que muito em breve cairá pelo solo. Asseguro-vos que, por estes experimentos, a Terra está começando a fender-se em muitos lugares, os buracos circulares estão se multiplicando e onde aparecem a terra deixa de ser firme. Se continuardes perfurando o interior da Terra com vosso acelerador de partículas vos asseguro, homens da Ciência, que muitas cidades e populações irão desaparecer por vossa culpa. A terra as tragará e não voltarão a levantar-se porque esse solo que se rompe já não voltará a ser firme. Homens da ciência, parai com vossos experimentos no interior do núcleo da Terra porque estais debilitando-a! Parai de brincar de ser deuses, porque vossos experimentos só desgraça e mortes trarão!”

Leia a mensagem na íntegra em:   Jesus Sacramentado a Enoc: Homens da Ciência, parai com vossos experimentos no interior do núcleo da Terra porque estais debilitando-a. Parai de brincar de ser deuses, porque vossos experimentos só desgraça e mortes trarão (18-12-2018)

 

Sugestão de texto para leitura:

CERN LHC - Qual a verdadeira agenda?


Busca


Domingo, 28 de Novembro de 2021




Acessos








Mulher Vestida de Sol