‹ voltar



Organização: um reflexo da ordem na Criação de Deus

n/d

Criar e manter a ordem é um testemunho de nosso respeito pelos dons do tempo, da abundância e do mundo físico que Deus nos confiou.

Assim como Deus criou o universo com ordem e propósito (Gênesis 1:3-10), nossa própria busca pela ordem pode facilmente se tornar uma tarefa espiritual, se feita com intenção.

Vários santos da tradição católica enfatizam com frequência a importância da ordem em seus escritos: Tomás de Aquino, João da Cruz, Teresa de Ávila. Podemos considerar que por ordem em nosso mundo físico tem um significado espiritual.

É importante reconhecer que a desorganização, embora possa parecer um problema menor, pode ter um impacto significativo em nossa vida espiritual. Se não for tratada, a desorganização pode se converter em uma fonte de ansiedade de baixo grau, o que pode dificultar a concentração na oração, no trabalho e em nossos relacionamentos com os outros.

 

Os benefícios da organização

Agora pense nas vantagens de um espaço bem organizado. Imagine um canto de oração onde tua Bíblia te aguarda, oferecendo-te o conforto de que necessitas. Imagine uma entrada meticulosamente arrumada, onde tuas chaves estão à mão para facilitar a transição para tua jornada de trabalho; ou pense no prazer de um guarda-roupa onde todas as tuas roupas estão visivelmente à mão para que não tenhas que mergulhar na pilha de roupas mais ou menos dobradas que há sobre a cadeira (todos nós temos essa cadeira, não temos?).

Dessa forma, a ordem se converte em uma espécie de oração silenciosa: é um testemunho de nosso respeito pelas dádivas do tempo, da abundância e do mundo físico que Deus nos confiou.

A ordem, como explica São Tomás em sua Summa Theologica, é considerada intrínseca à bondade. Uma vida bem ordenada, como uma composição musical harmoniosa, permite que cada elemento cumpra seu propósito e contribua para o todo.

Ao organizar nossas posses e espaços de vida, podemos mostrar nosso respeito pelas dádivas que temos recebido.

 

Promover a tranquilidade

Além disso, a ordem também pode promover uma sensação de paz e tranquilidade. Uma casa bem organizada pode se tornar um santuário, um refúgio contra o barulho e a desordem do mundo exterior. Essa tranquilidade permite uma reflexão e uma oração mais profundas, o que, por sua vez, pode promover uma conexão mais estreita com a família, com os vizinhos, consigo mesmo e com Deus.

De fato, a ordem pode proporcionar uma estrutura para nossa vida espiritual. Se soubermos onde estão as coisas, poderemos encontrar facilmente o que necessitamos, o que nos torna mais eficientes e, por fim, nos permite dedicar tempo e atenção adequados à nossa fé. A propósito, isso também se aplica à área de trabalho do seu computador!

 

Manter o equilíbrio

Entretanto, é importante garantir que a ordem não se torne um sistema rígido que sufoque a criatividade ou a generosidade. O próprio Aquino entendia que o equilíbrio entre ordem e flexibilidade era benéfico. Como um jardineiro que cuida de uma paisagem florescente, mas sempre em constante mudança, devemos estar abertos para adaptar nossos sistemas organizacionais à medida que nossas necessidades evoluem.

Em última análise, a ordem serve a um propósito maior: viver uma vida alinhada com o amor de Deus. Agora que já sabes disso, desta forma poderás ter uma vida mais organizada.

Fonte: https://es.aleteia.org/2024/05/19/organizarse-un-reflejo-de-orden-en-la-creacion-de-dios/

Busca


Sábado, 22 de Junho de 2024










Mulher Vestida de Sol