‹ voltar



"... TAMBÉM VOS PERSEGUIRÃO A VÓS..." (João 15, 20) Grande potência ordena aos cristãos: Renuncie a Deus ou vamos cortar sua comida e habitação

 
Fonte: https://www.wnd.com/2020/06/major-power-orders-christians-renounce-god-cut-off-housing-food/
Postado em: 28-06-2020
 

O governo comunista da China está avisando os cristãos idosos de que perderão benefícios básicos se não deixarem de praticar a sua fé.

Bitter Winter, a revista online sobre liberdade religiosa e direitos humanos na China, relata que o Partido Comunista está a ameaçar "tirar os últimos meios de sobrevivência aos crentes idosos", os benefícios do governo de "habitação, alimentação, vestuário, cuidados médicos e despesas funerárias".

"Uma católica da cidade de Fuzhou, na província do sudeste de Jiangxi, tem recebido mensalmente 250 RMB (cerca de 35 dólares) do governo desde 2018, ano em que o seu marido morreu", relatou Bitter Winter.

"No final de 2019, funcionários do governo local ameaçaram a mulher, na casa dos 60 anos, que o subsídio seria retirado, a menos que ela retirasse imagens de Jesus da sua casa. "Porque o Partido Comunista te alimenta", disseram à mulher, "só deves acreditar nisso, não em Deus". Dois meses mais tarde, a pensão foi cancelada porque ela se recusou a retirar os símbolos", disse o relatório.

Ela disse a Bitter Winter: "Tornou-se difícil manter a crença em Deus devido à perseguição religiosa".

Reggie Littlejohn, fundadora e presidente da Women's Rights Without Frontiers, disse que é "um desgosto e um ultraje que viúvas e outros idosos sejam forçados a renunciar à sua fé a fim de receberem benefícios. Para muitos, eles podem precisar destes fundos para sobreviver".

"É um ato patético de covardia forçar as viúvas desesperadas a escolher entre a sua sobrevivência e o seu Deus. Esta viúva, que se recusou a renunciar potencialmente à sua fé face à pobreza abjecta, é heróica", disse ela.

"Esta forma de perseguição religiosa está aumentando na área da China, onde temos a nossa Campanha "Salve uma Viúva". Acabei de ser informada de que, na nossa região, um funcionário governamental deu instruções às nossas viúvas para ficarem em casa aos domingos e não irem à igreja. Ele também ridicularizou Jesus, dizendo: "O governo chinês dá-lhe 160 RMB (cerca de 23 dólares)". Quanto dinheiro é que Jesus Cristo vos dá?" continuou ela: "Felizmente para as viúvas da nossa região, elas têm uma resposta pronta. Os nossos trabalhadores de campo trazem amor e compaixão às viúvas, juntamente com ajuda prática: um subsídio mensal de 25 dólares que faz uma enorme diferença nas suas vidas, fornecendo-lhes comida e calor. Os nossos trabalhadores do campo encorajam estas viúvas na sua fé, e muitas encontraram nova esperança de que existe um Deus que as ama".

Littlejohn lutou durante anos contra a política de um filho na China, que proibiu os casais de terem mais do que um filho. Recentemente foi alterado para dois filhos, mas os abortos forçados ainda fazem parte da política de aplicação do governo.

Bitter Winter observou que há apenas semanas, funcionários em Fuzhou "forçaram uma mulher cristã de 80 anos a cobrir uma imagem da cruz em sua casa, ameaçando novamente o seu subsídio de subsistência".

As autoridades também iniciaram uma intensa campanha de inspecções de "regresso" "para garantir que as pessoas não retomem a prática da sua fé", disse o relatório.

Num caso, os burocratas do governo "ameaçaram um crente de Sola Fide (Nota do tradutorSola fide (do Latim: por fé somente), também conhecida, historicamente, como doutrina da justificação pela Fé, é a doutrina que distingue denominações protestantes da Igreja Católica Romana, Igreja Ortodoxa e outras) num lar de idosos, paralítico há oito anos, de o expulsar da residência se ele continuasse a acreditar".

"Os funcionários disseram-me que eu devia supor acreditar no Partido Comunista, uma vez que ele me alimenta, ou então todos os meus benefícios sociais seriam cancelados", disse ele. "Não desistirei da minha fé, independentemente da forma como o governo me persegue". Se ele cancelar os meus benefícios, encontrar-me-ei com Deus mais cedo".

Na cidade de Yingtan, as autoridades "privaram um cristão local da ajuda do governo por acolher reuniões religiosas em casa, apesar de a mulher estar imóvel devido a uma doença", disse o relatório. E também assediaram uma católica, nos seus 70 anos, para substituir os símbolos religiosos por imagens do Presidente Xi Jingping.

 

 

“Lembrai-vos da palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu senhor. Se a mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa. Mas tudo isto vos farão por causa do meu nome, porque não conhecem aquele que me enviou.” (João 15, 20-21)

 

“Sinto grande tristeza em meu Coração de Mãe da humanidade ao ver como será escravizado o Povo de Deus! As perseguições contra os cristãos e católicos começaram em todo o mundo. Em muitas nações do extremo oriente e naquelas regidas pelo regime ateu comunista, meus pobres filhinhos estão sendo torturados, desaparecidos, encarcerados e despojados de seus bens e direitos. Todos aqueles os quais seja comprovado que são católicos ou cristãos, o Estado os priva de todos os seus serviços. Em muitas nações, ser cristão ou católico já é um delito. As Casas de meu Filho nestas nações estão sendo queimadas, destruídas e Seus Tabernáculos profanados. Meu Jesus Sacramentado está sendo pisoteado e expulso delas.

Ó, que dor sinto ao ver meu Filho novamente humilhado e maltratado pelas mãos dos verdugos a serviço do mal! O Povo de Deus está começando o desterro; as perseguições e agressões estão aumentando. Muitos de meus filhinhos nestas nações, por sua falta de fé e confiança em Deus, estão renunciando publicamente à sua fé e confiança em Deus, e, o mais triste, a meu Filho Jesus, tudo para conservar sua vida e seus bens.” (Maria Rosa Mística a Enoch, em 25-06-2020) Para ler a mensagem na íntegra, CLIQUE AQUI

 

"Todo ateu e anticristão que não se converter a tempo ao Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo será subjugado pelo anticristo e passará a eternidade no inferno."


Busca


Domingo, 20 de Setembro de 2020







Acessos



Rainha Maria

Mulher Vestida de Sol